INICIAÇÃO CIENTÍFICA

A Iniciação Científica caracteriza-se por um instrumento que permite introduzir na pesquisa científica os estudantes de graduação. Tem por finalidade principal despertar jovens talentos para a ciência, propiciando sua participação em projetos de pesquisa.

Nesta perspectiva, a Iniciação Científica caracteriza-se como uma ferramenta de apoio teórico e metodológico à realização de projetos, constituindo o canal para a formação de uma nova mentalidade no aluno e oportunidade de melhor qualificação profissional em todas as áreas do conhecimento. Além disso, contribui para melhorar a formação dos alunos, preparando-os para a pós-graduação, para a aprendizagem de técnicas e métodos necessários à pesquisa, para o desenvolvimento do pensar e do criar cientificamente, orientando-os para a vida acadêmica e para um papel de liderança profissional em suas respectivas áreas de interesse.

 

Participação como bolsista ou voluntário

Atualmente o Programa conta com duas modalidades para o ingresso de alunos de graduação nas atividades de iniciação: como bolsistas e/ou voluntários.

Para atuação como bolsista, são ofertadas aos alunos três modalidades distintas de bolsa para o exercício das atividades de iniciação científica na instituição: a Bolsa PIBIC/CNPq, a Bolsa PIBITI/CNPq e a Bolsa FUNADESP.

Tais bolsas constituem um incentivo financeiro individual concedido pelas agências de fomento aos alunos com melhor rendimento acadêmico, escolhidos por meio de processo seletivo. As inscrições podem ser feitas anualmente, de acordo com os prazos e requisitos dispostos e divulgados nos editais específicos.

Na atuação como voluntário, o aluno desenvolve as atividades relacionadas ao projeto de pesquisa sem a remuneração da bolsa. As inscrições para essa modalidade do Programa são de fluxo contínuo e não dependem de seleção por edital.

 

Gestão do Programa

A gestão do Programa de Iniciação Científica (PIC) é de responsabilidade da Diretoria de Pós-Graduação Stricto sensu e Pesquisa, que por meio da Divisão de Pesquisa e Iniciação Científica, planeja, acompanha e avalia todos os processos relacionados ao Programa.

Com o apoio dos orientadores, alunos, coordenadores de curso e demais setores da Instituição, busca imprimir contínuas melhorias ao Programa. Além disso, promove a divulgação do PIC junto à comunidade universitária, esclarece dúvidas de docentes e discentes, orienta o preenchimento de formulários e assegura o cumprimento dos critérios e prazos estabelecidos.

Promove também o intercâmbio com os alunos, buscando esclarecer e informar sobre os procedimentos do PIC e, se necessário, busca soluções para as questões não previstas nos regulamentos do PIC.

 

Benefícios

  • Certificado de participação na Iniciação Científica;
  • Trabalhos publicados em eventos científicos;
  • Domínio da metodologia científica;
  • Preparação para os programas de pós-graduação;
  • Valorização do currículo profissional;
  • Desenvolvimento do pensar e do criar cientificamente;
  • Aprimoramento do espírito crítico e da criatividade.