Interações, Celulares Smartphones e Processos de Ensino e Aprendizagem

Lucinalva Rosangela Panuci, Luciane Guimarães Batistella Bianchini, Cleonice Jose de Souza, Jaqueline de Brito Silva, Carla Mancebo Esteves Munhoz

Resumo


O celular Smartphone é um recurso tecnológico que tem adentrado os vários espaços culturais de nossa sociedade, como é o caso da escola. No entanto, o seu uso nem sempre é compreendido como recurso pedagógico relacionado à aprendizagem do aluno, gerando assim polêmicasm e contradições. Investigamos os resultados do emprego dele como proposta pedagógica do professor em atividades escolares e extraescolares. Nossos sujeitos foram 112 alunos de três escolas, da cidade de Maringá-PR. Os instrumentos para a coleta de dados foram: atividades com o aplicativo WhatsApp no celular, roteiro de observação e entrevistas. Para coleta dos dados dividimos o estudo em três etapas: E1- Aplicação de um texto sobre o tema celular e três questões abertas sobre o seu uso na realidade do aluno. E2- Utilização do aplicativo WhatsApp no celular para realização das atividades realizadas na escola e extraescolares. E3- Avaliação da aplicabilidade do WhatsApp no celular como proposta pedagógica. Os resultados indicaram que inicialmente os alunos apresentaram dificuldade em relacionar o uso do aplicativo via celular para as atividades propostas. Gradativamente as condutas iniciais dos alunos passaram a relacionar como importante o uso do celular para promover o processo de aprendizagem bem como possibilitar novas interações com o conhecimento e o grupo de colegas. Concluímos que as novas tecnologias como é o caso do celular/Smartphone e seus aplicativos podem ser um recurso pedagógico promotor de aprendizagem, mas isso demanda tanto do professor quanto dos alunos a construção de sentidos positivos que incluam tal instrumento em sala de aula.

 

Palavras-chave: Interações. Aprendizagem. Smartphone. Aplicativo WhatsApp.

 

Abstract

The Smartphone is a technological resource that has entered the various cultural spaces in our society such as school. However, its use is not always understood as a pedagogical resource related to student learning, thus creating controversies and contradictions. We investigated the results of its usage as a teacher’s pedagogical proposal in school activities and extra class activities. Our subjects were 112 pupils from three schools in the city of Maringá-PR. The instruments for data collection were: activities with WhatsApp on mobile, screenplay by observation and interviews. For the data collection we split the study in three stages: S1- application of a text on the topic mobile phones and three open questions about its use in the reality of student. S2- use WhatsApp on a mobile phone to carry out the activities at school and extra classes. S3- evaluation of the applicability of WhatsApp on the mobile phone as a pedagogical proposal. The results indicated that first the students presented difficulty in relating the use of the application via mobile phone to the proposed activities. Gradually, the initial conduct of the students went on to relate how important is the use of mobile to promote the learning process as well as enabling new interactions with the knowledge and the group of fellow. We concluded that new technologies such as the Smartphone and its applications can be a pedagogical resource which promotes the learning, but that demands from both the teacher and the students the building of positive meanings that include such an instrument in the classroom.

 

Keywords: Interactions. Learning. Smartphone. WhatsApp.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17921/2447-8733.2016v17n2p105-111

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista de Ensino, Educação e Ciências Humanas

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.